News
Loading...

Ryu Recomenda: Fate zero.



A Guerra pelo Santo Graal. Sangrenta. Trágica. Emocionante  

O mundo criado pela empresa de Visual Novels Type-Moon é surpreendente. O universo fictício criado para ambientar os jogos interliga várias realidades e histórias que caracterizam os jogos de sucesso da empresa. Esse universo imaginário é chamado de Nasuverso; levando o nome do principal escritor da equipe, Kinoko Nasu. Nesse mundo misterioso e complexo, ocorrem os fatos narrados em Kara no Kyoukai, Tsukihime, Fate/Stay Night e o anime que é alvo dessa resenha: Fate/zero.

Fate/zero é uma light novel de quatro volumes escrita por Gen Urobuchi(roteirista de Mahou Shoujo Madoka Magica, Phantom: The Requiem for the Phantom) e ilustrada por Takeuchi Takashi (membro da Type-Moon). Fate/zero foi adaptado para anime pelo estúdio ufotable em duas temporadas: a primeira em Outubro de 2011 com 13 episódios e a segunda em abril de 2012 com 12 episódios. A obra consiste de um prequel da famosa visual novel Fate/stay night da Type-moon, adaptada para anime pelo Estúdio DEEN em 2006.

Então apesar de ser um prequel, eu ainda acredito que assistir na ordem cronológica do Nasuverse não seja o ideal. Bem, nem sempre tudo no Nasuverse é apresentado da forma considerada mais sensata pela maioria, vide Kara no Kyoukai que foram filmes apresentados fora da ordem cronológica. Então vamos comerça:


Historia


Fate/zero narra a quarta Guerra pelo Santo Graal de Fuyuki, que ocorre dez anos antes dos fatos narrados em Fate/stay night. A Guerra pelo Santo Graal (ou Cálice Sagrado) consiste em uma batalha entre sete Magos, sendo cada um mestre de um Espírito Heróico. Trata-se de um battle royale: o último a sobreviver se torna o vencedor e possuidor do poder do Cálice Sagrado. A sangrenta batalha tem como plano de fundo que explora a magia (com as teorias obre mana, feitiçaria, etc) e personagens históricos mistificados e desmitificados. Os mestres são poderosos magos escolhidos pelo Cálice como dignos de batalhar pelo mesmo e os Servos são heróis lendários que trazem consigo poderosos Fantasmas Heróicos e razões tanto profundas quanto fúteis para se envolverem nesta guerra.

A guerra foi instaurada originalmente pelas famílias Matou (que na época da instauração era parte da família Makiri), Einzbern e Tohsaka como uma forma de decidir quais os magos dignos de possuir o poder do Cálice. Após perder as três primeiras guerras, a família Einzbern investe no mercenário “Assassino de Magos” Kiritsugu Emiya, que ao se casar com Irisviel von Einzbern torna-se o representante da família na quarta guerra. Kiritsugu é um homem melancólico e que leva em suas costas um passado sombrio e amargo, tendo como desejo um mundo em que os homens não se evolvam em guerras. Para isso, ele utilizará de todos os meios ao seu alcance para ser o vencedor desta guerra, tendo entre eles a honrada Saber como sua Serva.
                                          

A história de Fate/zero delineia a trajetória de Kiritsugu e seus inimigos, cada Servo e Mestre com seus pecados mascarados pelos seus objetivos perante a guerra. As famílias tradicionais Matou e Tohsaka também preparam-se para a guerra utilizando-se de diversos meios, baixos ou não.Enquanto os Matou violam a inocente Sakura Tohsaka, coagindo assim Kariya Matou a participar da guerra; Tokiomi Tohsaka se alia com o misterioso e amargo Kirei Kotomine, que acredita não ter nada a perder e utilizará de todos os meios para permanecer em combate.


Opinião                                                                                                     
Fate e uma das obras de animes mais aclamadas por te uma historia bem complexa uma trama bem desenvolvida, personagens carismáticos e a cenas de batalhas mais épicas dos animes, basicamente e um titulo indispensável da lista de todo otaku e otome.

Lembrando Fate zero e um Pre-quel a continuação dele Fate Stay Night Unlimited Blade Works esta passando pelo um Remasterização a primeira temporada saiu no ano de 2014 e a Segunda esta marcada para abril de 2015.

O que achou?
Comenta ai
Curta a nossa Pagina no Facebook: Ryutotora
 


Share on Google Plus

About Ryu To Tora

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários :

Postar um comentário